5 Terapias Alternativas

O tema de hoje aborda um assunto que, apesar de ser muito discutido, ainda não é completamente aceite na nossa sociedade: Terapias Alternativas.

Estas terapias vão revolucionar todo o tipo de pensamentos pré-definidos acerca do que é, o que deve e o que será o melhor tratamento para cada um.



A medicina vai avançando cada vez mais. E, cada vez mais as pessoas procuram opções mais naturais para os seus problemas de saúde.

Todos devemos preocupar-nos com o nosso corpo, a nossa mente e o nosso bem-estar. Por isso mesmo, estas terapias oferecem um maior conhecimento do nosso corpo e do nosso íntimo.

O nosso corpo é algo que devemos ter cuidado. Cada pessoa é diferente e o seu organismo também o é. No entanto, a nossa mente também tem um peso muito importante na nossa saúde.

Por isso mesmo, cada vez existem mais opções para podermos cuidar do nosso corpo sem termos de recorrer à medicina e medicação tradicionais.

Trazemos 5 opções de Terapias Alternativas.

Acupunctura: Não é segredo nenhum que a Acupunctura é cada vez mais conhecida. A utilização de agulhas pode ser um grande aliado na luta contra dores musculares, artrites, sinusite. E muitas mais doenças. Existem tratamentos para pessoas doentes, sem doenças, grávidas e até para efeitos estéticos.

Homeopatia: Esta alternativa é uma das alternativas consideradas mais duvidosas, no entanto é bastante comum. A ideia fundamental, que difere da medicina tradicional, é de que não existe um único problema/doença. Mas sim algo que não está em equilíbrio com o corpo e se vai desenvolvendo em várias partes do corpo, criando reacções.

Reflexologia: Nesta terapia alternativa, a crença está em que os pontos principais são os pés, as mãos, as orelhas e a coluna. Ou seja, estes pontos são considerados muito importantes, pois são os pontos onde se deve estimular para obter resultados.

Reiki: O Reiki é uma terapia alternativa. Como todas as outras, distingue-se pelas suas crenças e ideias próprias. É considerado um método simples, de cura espiritual e sem contra-indicações. A ideia principal é desbloquear quaisquer bloqueios de energia que possam existir dentro de cada pessoa, utilizando as mãos para fazerem pressão sobre os chacras, os centros energéticos.

Terapia Holística: No fundo, a terapia holística é o resumo de todas as terapias alternativas. O ponto fundamental é a crença de que o ser humano é um todo, e não apenas partes que devem ser tratadas. Isto é, existem vários corpos dentro de um corpo: corpo físico, energético, emocional, mental e espiritual. O objectivo é estabelecer ( ou restabelecer)  o equilibrio físico e psicológico da pessoa. Podem ser usadas as opções anteriores, ou até outras como Aromaterapia, Musicoterapia, Florais de Bach e muitos mais.

Ninguém é igual. O nosso corpo é o nosso templo, e para o entendermos temos de entender que, o que nos move, também nos afasta. E por isso mesmo, as energias com que nos envolvemos e atraímos são muito importantes para conseguir identificar problemas e situações tóxicas.

À medida que avançamos na vida, percebemos que certas situações não são lineares. E que cada problema físico pode ser, na verdade, algo que nasceu no nosso íntimo e criamos uma reacção exterior.

Isto é, as terapias alternativas ajudam a entender melhor todos os corpos existentes dentro do nosso. Somos um todo, mas também somos apenas um.

Não existe um método certo, tudo deriva das nossas crenças, ideais e curiosidades. Se nunca tivermos curiosidade de duvidar do habitual, nunca sairemos da zona de conforto.

Se gosta deste tipo de artigos, espreite o nosso artigo anterior sobre Acupunctura.

Descubra o que é melhor para si e para o seu corpo!

Partilhar:

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on twitter
Share on email

Mais sobre:

Vadiando Na Net